Novo sentido

Poesia escrita pelo E. Carlos César, SJ, fala do amor de Deus

Quando pronuncias meu nome,
é poesia e afeto,
carícia e canção.
Eu ouço, reconheço e te sigo.

Quando me fitas o olhar,
é amor e verdade,
perdão e recomeço.
Eu olho, entendo e te recebo.

Quando tocas em mim,
é ternura e dança,
apoio e cura.
Eu sinto, me levanto e te anuncio.

Teus gestos, Senhor, me restituem e
Teus sentidos, convertem os meus.

Autor: E. Carlos César, SJ