Olhar o presente e projetar o futuro

Colégio dos Jesuítas lança pedra fundamental do Espaço Nossa Senhora Imaculada Conceição

Reforçando a missão educativa e evangelizadora, o Colégio dos Jesuítas, em Juiz de Fora (MG), anunciou, em 25 de janeiro, a construção de um espaço inovador para acolher as turmas do maternal III ao 2° ano do Ensino Fundamental.

O novo ambiente receberá o nome de Espaço Nossa Senhora Imaculada Conceição, em referência ao primeiro nome do Colégio dos Jesuítas. O projeto reforça o compromisso da instituição em oferecer aos estudantes uma educação integral, proporcionando o desenvolvimento das dimensões cognitiva, socioemocional e espiritual-religiosa, além de colocar as crianças e os jovens como protagonistas do processo de ensino-aprendizagem.

Seguindo todos os protocolos de proteção à saúde, a cerimônia de lançamento contou com a presença do Provincial dos Jesuítas no Brasil, Pe. Mieczyslaw Smyda; do secretário para Educação dos Jesuítas no Brasil, Pe. Sérgio Mariucci; do diretor presidente da Rede Jesuíta de Educação Básica, Ir. Raimundo Barros; além da equipe diretiva e de educadores do Colégio dos Jesuítas; da secretária municipal de Educação de Juiz de Fora, Nádia Ribas, representando a prefeita Margarida Salomão, entre outros convidados.

A pedra fundamental foi apresentada no início da cerimônia e, logo depois, abençoada pelo diretor acadêmico do Colégio dos Jesuítas, Pe. José Robson Silva Souza. “Este é um momento muito privilegiado para a Companhia de Jesus, pois foi justamente no dia 25 de janeiro que os jesuítas começaram a atuar na região sudeste com a fundação da cidade de São Paulo (SP). E hoje também queremos inaugurar uma nova parte do Colégio”, partilhou o jesuíta.

Para o diretor geral da instituição de ensino, professor Edelves Rosa Luna, o novo espaço possibilitará uma maior interação entre as crianças por ser um projeto novo e amplo, pensado como algo moderno para as turmas do Maternal III ao 2º ano do Ensino Fundamental e que possibilitará uma educação de ponta. “Para que serve uma escola, além de ensinar bem números e letras? Serve também para edificar uma sociedade mais justa, que aponte caminhos de justiça e igualdade. Nós temos um compromisso com o futuro, inovar e apontar caminhos”, reforçou o diretor.

Já o Ir. Raimundo Barros destacou um dos pontos do Pacto Educativo Global idealizado pelo Papa Francisco: a construção de uma grande rede de educação embasada no diálogo, na inclusão e mútua compreensão. O jesuíta também partilhou que o projeto do novo espaço depende muito das relações que serão desenvolvidas pelas pessoas que irão preencher todo o ambiente. “Mais que olhar para o belo, porque o projeto é muito bonito, vale sonhar e esperar pelo grito das crianças, pelo prazer dos professores, o ânimo das famílias e pela cidade que poderá contar com uma educação mais forte”, acrescentou o diretor presidente da RJE.

O secretário para Educação dos Jesuítas no Brasil, Pe. Sérgio Mariucci, relembrou que o espaço é muito bonito, não pelos seus artifícios físicos, mas pelas pessoas que colaboram para que a instituição funcione de forma plena. “São pessoas bonitas, inteiras, que amam o que fazem, que têm um compromisso com a educação”, destacou Pe. Sérgio, que também relacionou ideias do educador Paulo Freire com os ensinamentos inaciano como, o diálogo constante de liberdade e de autonomia que forma cidadãos para a democracia.

De acordo com o Provincial do Brasil, Pe. Mieczyslaw Smyda, é preciso que todos tenham o coração agradecido para fazer sempre mais. “Ser grato é ter coragem de querer e desejar mais. Nosso desejo como Companhia de Jesus e colaboradores é fazer com que as crianças e a sociedade sonhem grande e, ao mesmo tempo, pisem firme na realidade”.

Antes de encerrar a celebração, os presentes foram convidados para se dirigirem até o local onde será construído o novo espaço. Na ocasião, foi realizada a colocação da pedra fundamental e da cápsula do tempo, que será aberta em 2046, quando o Colégio completará 90 anos.

Por meio dessa celebração e do lançamento desse novo projeto, o Colégio dos Jesuítas reafirma o compromisso de olhar o presente e projetar o futuro, sempre pensando na satisfação dos estudantes e suas famílias, colaboradores e toda a comunidade educativa.