Alunos do Catarinense se destacam na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica

Saiba quem são os 13 medalhistas da instituição de ensino jesuíta

O Colégio Catarinense, em Florianópolis (SC), instituição de ensino que integra a Rede Jesuíta de Educação Básica (RJE), conquistou 13 medalhas na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica 2020 (OBA).

O concurso acontece há mais de 20 anos, e esta foi a primeira vez em formato digital, por conta da pandemia de covid-19. Neste ano, a competição reuniu mais de 437 mil estudantes de escolas públicas e privadas de todo o país.

Os medalhistas do Colégio Catarinense, são: Leo Stupp Schweitzer e Louise Paulino Menoni – 6º ano; Bruna Costa Basso, Guilherme Corrêa e Mariana Camargo Olsen da Veiga – 9º ano; Maria Helena Nunes Ribeiro, Helena Stahnke Schveitzer e Helena Beckhäuser Ubaldo – 1ª série; Guilherme Chellere Kremer e Isabella Vieira de Andrade – 2ª série; Eduardo Lincks Siqueira, Sandy Glienke e Vinícius Michels Steiner – 3ª série.

Mas a boa notícia não para por aí, nove dos 13 medalhistas do Colégio Catarinense foram convidados para participar da pré-seleção para integrar a equipe que vai representar o Brasil nas Olimpíadas Internacionais de Astronomia de 2021.

Apesar do ano atípico e desafiador para todos, a qualidade do ensino ofertado pelo Catarinense e o apoio que os educadores ofereceram aos alunos foram fundamentais para garantir o excelente desempenho dos estudantes. A Comunidade Educativa do Colégio Catarinense está em festa e orgulhosa por todos aqueles que participaram do concurso.