Nota de pesar pelo falecimento de Pe. Pedro Vicente Ferreira

Jesuíta construiu uma história de dedicação à orientação espiritual de crianças, jovens e adultos

 

Pe. Pedro Vicente Ferreira faleceu na tarde de ontem (7/10), aos 77 anos de idade. Superior do Núcleo Apostólico de Teresina, ele coordenava as equipes de jesuítas que atuam nas obras da Companhia de Jesus no estado do Piauí e contribuía para a Formação Espiritual das crianças do Colégio Diocesano Infantil. Era uma figura querida por toda a comunidade acadêmica: gestores, educadores, colaboradores, estudantes, pais e responsáveis.

Nascido em 19 de abril de 1942, Pe. Pedro era natural de Fortaleza (CE) e integrava a Companhia de Jesus desde fevereiro de 1963. Fez seu Juniorado em Itaici (Indaiatuba/SP), ainda em 1965. Logo depois, ente 1966 e 19967, em São Paulo (SP), conquistou seu bacharelado em Filosofia pela Faculdade Anchieta. Como professor, deu aulas no Colégio Santo Inácio (CE) nos anos de 1968 e 1969. De volta ao Ensino Superior, em 1972, se tornou bacharel em Teologia pelo Colégio Máximo Cristo Rei, em São Leopoldo (RS). Pe. Pedro foi ordenado sacerdote em dezembro de 1972, em Fortaleza (CE), por Dom Miguel Câmara, e teve seus últimos votos proferidos em agosto de 1977.

Entre as missões exercidas ao longo dos anos, o jesuíta atuou como diretor geral/reitor dos colégios Nóbrega (PE) e Santo Inácio (CE) em duas diferentes oportunidades. Além disso, foi consultor da Província (1980), sócio e admonitor do padre Provincial (1985), procurador do Provincial e delegado na 72ª Congregação de Procuradores em Roma (Itália), em 1987. Entre 1999 e 1996, em Recife, foi provincial da antiga Província Brasil Setentrional.

Em Teresina (PI), Pe. Pedro construiu uma história de dedicação à orientação espiritual de crianças, jovens e adultos. Em sua primeira passagem, foi coordenador do Serviço de Orientação Religiosa e Pastoral do Colégio Diocesano durante os anos de 2010 e 2011. Quando retornou, em 2018, como Superior do Núcleo Apostólico de Teresina, o jesuíta continuou seu trabalho de orientação, atuando como assistente no Diocesano Infantil e participando diretamente das atividades das crianças do Colégio.

Devido ao cenário provocado pela pandemia, não haverá velório. O enterro será no Cemitério Parque da Paz em sua cidade natal, Fortaleza (CE) e reservado para familiares. Sua missa de Sétimo Dia será na próxima semana em Teresina. Os colégios Diocesano e Diocesano Infantil se solidarizam com sua família e a todos que caminharam ao seu lado.

Fonte: Colégios Diocesano e Diocesano Infantil