Semana de Estudos Amazônicos está com inscrições abertas


A 3ª edição da Semana de Estudos Amazônicos (SEMEA) acontecerá entre os dias 16 e 18 de outubro. Este ano, o evento será realizado na Unisinos (Universidade do Vale do Rio dos Sinos), no campus São Leopoldo (RS), e as inscrições já estão abertas.

Direcionado à comunidade acadêmica, à sociedade civil e aos povos indígenas, o evento tem como objetivo sensibilizar o público para os principais temas da região amazônica, garantindo participação, visibilidade e articulação dos povos tradicionais em espaços fora da Amazônia.

Segundo os organizadores do encontro, as universidades desempenham um papel fundamental na mobilização das bases populares e dos intelectuais para o fortalecimento de um projeto comum pela Amazônia.

Para a professora Ana Cristina Garcia, uma das organizadoras do evento na Unisinos, a região amazônica é estratégia para o mundo. “É importante preservar a riqueza de sua biodiversidade, proteger as populações locais, com definição dos conflitos de demarcação de terras dos povos indígenas, ribeirinhos e outros envolvidos”, afirma a pesquisadora, que vê o tema como de vital importância no debate atual.

EDIÇÕES ANTERIORES

A primeira edição da Semana de Estudos Amazônicos aconteceu em 2016, na Unicap (Universidade Católica de Pernambuco), no Recife (PE). Na ocasião, o evento contou com a participação de povos indígenas e ribeirinhos do Alto Solimões (AM), jesuítas e colaboradores, que vivem e trabalham na Amazônia, representantes da cooperação internacional e pesquisadores do Amazonas e de Pernambuco. Além desses, também participaram do evento representantes da sociedade civil do Recife (PE) e organismos públicos estaduais, como a Defensoria Pública e a Secretaria de Meio Ambiente.

Na primeira edição do evento foram realizadas palestras, oficinas e rodas de conversa. A partir dessa experiência foi decidido que a Semana de Estudos Amazônicos se tornaria um projeto permanente e anual, de iniciativa de universidades parceiras do OLMA (Observatório Nacional de Justiça Socioambiental Luciano Mendes de Almeida).

Em 2017, a segunda edição do evento aconteceu na PUC-Rio (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro) e contou com a organização do Núcleo Interdisciplinar de Meio Ambiente (NIMA), ampliando o número de representantes das culturas amazônidas, organismos de apoio e acadêmicos vinculados a temática, garantindo ainda maior visibilidade e importância ao evento.

Este ano, a SEMEA pretende aumentar o número de representantes das populações tradicionais, aprofundando o debate com acadêmicos de diferentes regiões do País, a respeito dos principais desafios pelos quais passa a Amazônia e seus povos no atual contexto nacional.

 

SERVIÇO

3ª Semana de Estudos Amazônicos

Quando| 16 a 18 de outubro

Onde| Unisinos (Universidade do Vale do Rio dos Sinos)

Local| São Leopoldo (RS)

Informações| www.unisinos.br/eventos

 

Fonte: OLMA/Unisinos (RS)