Professores e auxiliares do Col. Anchieta (RS) participam de momento espiritual

Atividade envolveu a temática ‘Ser MAGIS do retalho À colcha’

O Serviço de Orientação Religiosa, Espiritual e de Pastoral (SOREP) e o Serviço de Orientação Educacional (SOE), do Colégio Anchieta, de Porto Alegre (RS), organizaram mais uma edição do Projeto Espiritualidade e Convivência no dia 18 de novembro. O intuito do encontro é oferecer aos professores e assistentes acadêmicos de Educação Infantil ao 5º Ano do Ensino Fundamental um momento de reflexão e compartilhamento dos momentos vividos durante o ano.

Na semana anterior ao encontro, os participantes receberam um convite com retalho de tecido e um kit costura para a produção de uma arte que representasse a interface pessoa e docente na educação. A atividade girou em torno do tema As tessituras do SER pessoa e do SER docente no ambiente escolar. Ser MAGIS do retalho à colcha.

Durante a manhã, os presentes participaram de um momento de espiritualidade, que incluiu uma pausa para meditação inaciana e bênção do padre João Roque. Os tecidos customizados foram colocados no centro da roda, formando uma grande colcha de retalhos, sendo cada retalho a representação de cada um dos participantes, suas histórias, alegrias, desafios, construções.

A ideia dessa atividade foi reforçar o sentido de pertença e identidade enquanto educadores inacianos, tendo presente os quatro C’s: – pessoas conscientes, competentes, compassivas e comprometidas. Ao observar a colcha, percebeu-se a existência de tantas pessoas diferentes, mas com o mesmo propósito: promover uma educação de excelência, a partir dos esforços como educador, passando pelo viés da escuta, do olhar, do cuidado consigo e com o outro, entrelaçando a vivência espiritual e a convivência entre os pares.

Na segunda parte da manhã, houve ainda uma roda de conversa com o filósofo, psicólogo e psicanalista Guilherme Olivier, que ministrou a palestra A ética do cuidar e o do cuidado. Olivier abordou a importância da escuta, da acolhida, do entrelaçamento de sentimento e emoções que envolvem a relação educador-educando no fazer pedagógico.

Fonte: Colégio Anchieta (Porto Alegre/RS)