Unicap celebra 74 anos de fundação

Comemoração marcou o início das comemorações do Jubileu de Diamante da universidade

A comunidade acadêmica da Unicap (Universidade Católica de Pernambuco) se reuniu na Capela para comemorar seus 74 anos, no dia 27 de setembro. A missa foi presidida pelo padre André Araújo e concelebrada por outros jesuítas. A data marcou também o aniversário de 477 anos da fundação da Companhia de Jesus.

“Nem a Companhia de Jesus, tampouco a nossa Universidade, nasceram por decretos, mas se originaram como resposta aos apelos de uma missão evangelizadora, que discerne, passo a passo, o futuro, em sintonia com a sociedade e a serviço da Igreja”, destacou padre André durante a homilia.

Em outro trecho, ele chamou a atenção para a natureza comunitária da missão jesuíta da Unicap. “Há, portanto, outras áreas nas quais somos chamados a crescer a partir do discernimento comunitário, entre elas, constituirmo-nos como um corpo intercultural, aprofundar o diálogo com as culturas e as religiões, e promover uma cultura de proteção às crianças, à juventude e as pessoas em situações de vulnerabilidade.”

A homilia de padre André fez referência a um documento escrito pelo Superior Geral dos Jesuítas, padre Arturo Sosa, especialmente para o aniversário da Companhia no qual ele menciona orientações do Papa. “Francisco tem insistido na importância do discernimento espiritual para toda a Igreja. Em especial solicitou à Companhia de Jesus sua contribuição para a difusão do discernimento na vida eclesial. Neste horizonte, sentimos que recorrer ao discernimento espiritual como instrumento para buscar e encontrar a vontade de Deus em todas as dimensões de nossa vida-missão trará como consequência direta uma revitalização de nossa missão-vida e um aumento de nossa capacidade de servir à Igreja e à sociedade nos tempos atuais.”

A celebração do dia 27 de setembro marcou o início das comemorações do Jubileu de Diamante da universidade. Como parte da programação especial do 75º aniversário, a Unicap receberá a visita do padre Arturo Sosa, em outubro. “Será, então, uma boa ocasião para fazermos memória agradecida do vivido e projetar visões de futuro, atentos aos apelos da Companhia universal, mas também tendo presente a consolidação desse vigoroso projeto universitário, que vem enfrentando dificuldades de toda sorte, mas que vem respondendo plenamente às exigências de uma verdadeira universidade, com qualidade acadêmica comprovada, crescimento notável na pesquisa e incidência comunitária confirmada pelos programas de extensão”, diz padre André.

Além da missa, o aniversário da Unicap foi celebrado com uma apresentação do Madrigal Lindbergh Pires. Foram interpretadas composições de Mozart e, pela primeira vez, canções de Luiz Gonzaga e outras músicas ligadas à temática do cangaço.

Fonte: Unicap (Recife/PE)