Coordenação nacional ampliada do Programa MAGIS Brasil se reúne em Iguape (CE)


Entre os dias 15 e 17 de setembro, foi realizada a Reunião da Equipe de Coordenação Nacional ampliada do Programa MAGIS Brasil. Contando com a acolhida da equipe do Centro MAGIS Inaciano da Juventude (CIJ), o encontro aconteceu na Vila Loyola, localizada próximo à Praia do Presídio, no município de Iguape (CE).

Estiveram presentes jovens e jesuítas que contribuem com o trabalho de coordenação dos Centros, Casas e Espaços MAGIS. Ao todo, 34 pessoas participaram do encontro, que promoveu um espaço de reflexão, partilha, convivência e oração para os colaboradores da missão com juventude e vocações da Companhia de Jesus.

Para o padre Jonas Caprini, secretário nacional para Juventude e Vocações da Província dos Jesuítas do Brasil (BRA) e atual coordenador do Programa MAGIS Brasil, um encontro como esse é essencial para o bom desempenho da missão. “A Rede Inaciana de Juventude, configurada aqui no Brasil como Programa MAGIS, possui um itinerário intenso de atividades e projetos durante todo o ano. Diante deste cenário, se faz necessária essa pausa anual para refletirmos, avaliarmos, planejarmos, em diálogo com as lideranças de nossas obras, os próximos passos que daremos conjuntamente enquanto rede de serviço para as juventudes”, afirmou o jesuíta.

Nesta edição, o encontro da equipe de coordenação nacional do Programa, estipulado para ser realizado anualmente, abriu as portas para a participação de representantes dos Espaços e Casas MAGIS de todo o Brasil. Avaliada positivamente, a experiência de reunir esta equipe ampliada de coordenação do Programa deve se repetir nos próximos anos. “A abertura para a nossa participação foi muito importante e, certamente, contribuirá para a realização de nossos trabalhos regionais’’, enfatizou Lilian Vidal, colaboradora da Casa MAGIS Rio de Janeiro.

“A abertura para a nossa participação [na reunião] foi muito importante e, certamente, contribuirá para a realização de nossos trabalhos regionais”

Lilian Vidal, colaboradora da Casa MAGIS Rio de Janeiro

A realização das próximas Experiências MAGIS, a atuação dos Eixos de trabalho do Programa e a integração da missão entre os Centros, Casas e Espaços foram alguns dos temas discutidos e aprofundados na reunião. Vale destacar que o Eixo Voluntariado Jovem e Inserção Sociocultural, hoje coordenado pelo Centro MAGIS Inaciano de Juventude, apresentou para os participantes um balanço atual de seu trabalho. “Nossa perspectiva é provocar, cada vez mais intensamente, as obras da rede MAGIS a realizarem experiências de voluntariado em suas regiões de maneira integrada com o Eixo Voluntariado Jovem”, afirmou o padre Agnaldo Duarte, diretor do CIJ.

Durante a reunião também foi avaliada, de maneira positiva, a primeira experiência da modalidade de voluntariado jovem de seis meses, que, atualmente, conta com dois participantes em Belém (PA), acolhidos pelo Centro MAGIS Amazônia, e dois jovens em Fortaleza (CE), recebidos pelo próprio CIJ. O jovem capixaba Marcos Rodrigues, natural de Ibatiba (ES), voluntário na capital cearense, esteve presente durante um período da reunião para partilhar com os participantes como está sendo a experiência de serviço junto à Pastoral do Povo em situação de rua e em conexão com os jovens do Centro MAGIS Inaciano de Juventude.

Como desfecho destes dias de partilha e serviço no Ceará, o grupo de participantes da coordenação ampliada do Programa MAGIS Brasil se deslocou para a cidade de Russas (CE), para participar da inauguração do Espaço MAGIS Padre Fayos. O evento reuniu jovens e paroquianos da Comunidade Bom Sucesso em uma emocionante celebração eucarística, marcada pelo protagonismo dos jovens que se articularam para realizar o sonho comum de construir coletivamente um espaço de formação integral, humana e espiritual para os jovens da região.

Agora, inspirados pela juventude lutadora de Russas, os colaboradores da missão da Companhia de Jesus junto às juventudes do Brasil retornam para suas obras de origem com o objetivo de compartilhar e assimilar, em suas rotinas de trabalho, os frutos do trabalho desenvolvido no encontro.

 

Fonte: Programa MAGIS Brasil