Papa Francisco envia mensagem à juventude brasileira

Pontífice pediu aos jovens que não tenham medo de lutar contra a corrupção

Em 29 de julho, no encerramento do projeto Rota 300, o Papa Francisco enviou uma carta aos jovens brasileiros que participaram da iniciativa que celebrou junto os 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida, no Rio Paraíba do Sul (SP). Na mensagem, Francisco afirmou que Maria é um sinal de esperança e que conhece os desafios vividos pelos jovens. Além disso, o Papa estimulou a juventude a seguir com o espírito missionário.

Na carta, o Pontífice ainda escreveu que “em meio às incertezas e inseguranças de cada dia, em meio à precariedade que as situações de injustiça criam ao redor de vocês, tenham uma certeza: Maria é um sinal de esperança que lhes animará com um grande impulso missionário. Ela conhece os desafios em que vocês vivem. Com sua atenção e acompanhamento maternos, lhes fará perceber que não estão sozinhos”.

O Santo Padre recordou a história dos pescadores pobres que, depois de uma pesca sem grandes resultados, no rio Paraíba do Sul, lançaram mais uma vez as suas redes e foram surpreendidos cpor uma imagem partida de Nossa Senhora, coberta de lama. Primeiro acharam o corpo, logo em seguida a cabeça. “Como comentei aos Bispos brasileiros em 2013, o fato traz em si um simbolismo muito significativo: aquilo que estava dividido, volta à unidade, como o coração daqueles pescadores, como o próprio Brasil colonial, dividido pela escravidão, que encontra sua unidade na fé que aquela imagem negra de Nossa Senhora inspirava”, escreveu Francisco.

“[…] não tenham medo de arriscar-se e comprometer-se na construção de uma nova sociedade, permeando com a força do Evangelho os ambientes sociais, políticos, econômicos e universitários!”

Papa Francisco

O Papa convidou os jovens a deixarem que seus corações sejam transformados pelo encontro com Nossa Mãe Aparecida. “Que Ela transforme as ‘redes’ da vida de vocês – redes de amigos, redes sociais, redes materiais e virtuais -, realidades que tantas vezes se encontram dividas, em algo mais significativo: que se convertam numa comunidade! Comunidades missionárias ‘em saída’! Comunidades que são luz e fermento de uma sociedade mais justa e fraterna”.

Recordando ainda a sua mensagem à Assembleia do CELAM (Conselho Episcopal Latino-americano) em 2017, o Pontífice pediu aos jovens que “não tenham medo de arriscar-se e comprometer-se na construção de uma nova sociedade, permeando com a força do Evangelho os ambientes sociais, políticos, econômicos e universitários! Não tenham medo de lutar contra a corrupção e não se deixem seduzir por ela! Confiantes no Senhor, cuja presença é fonte de vida em abundância, e sob o manto de Maria, vocês podem redescobrir a criatividade e a força para serem protagonistas de una cultura de aliança e assim gerar novos paradigmas que venham a pautar a vida do Brasil”.

O Santo Padre finalizou a sua mensagem com uma invocação: “Que Nossa Senhora, que em sua juventude soube abraçar com coragem o chamado de Deus em sua vida e sair ao encontro dos mais necessitados, possa ir à frente de vocês, guiando-lhes em todos os seus caminhos!”

Leia a carta na íntegra aqui.

Fonte: Radio Vaticana