Papa Francisco participa de documentário

Pontífice é um dos entrevistados do filme produzido por Leonardo DiCaprio

06-10-2016-papa-documentario-dicaprio-1

Em janeiro de 2016, Francisco recebeu DiCaprio em uma audiência privada. Na ocasião, o ator expôs seu compromisso com as questões ambientais

No dia 30 de outubro, o documentário Before The Flood, que aborda as questões relacionadas ao aquecimento global, será lançado em 171 países e em 45 idiomas. O longa-metragem, produzido por Leonardo DiCaprio, detalha os esforços do ator para aumentar a consciência sobre as mudanças climáticas ao redor do mundo. O filme conta com a participação de nomes como o papa Francisco, o presidente norte-americano, Barack Obama, e o secretário geral da ONU, Ban Ki-Moon.

Em janeiro de 2016, Francisco recebeu DiCaprio em uma audiência privada. Na ocasião, o ator expôs seu compromisso com as questões ambientais ao pontífice, que também tem demostrado sua preocupação com o tema. Com o intuito de convidar a sociedade para refletir sobre o cuidado com a casa comum, o papa publicou, a primeira encíclica dedicada ao meio ambiente em 2015, a Laudato Si’ – em português, Louvado Seja –, que aborda temas como Ecologia humana e O cuidado com a criação. Em fevereiro, a intenção de oração do pontífice, compartilhado por meio da série O vídeo do Papa, também foi dedicada a questão ambiental. Clique aqui e assista.

Com direção de Fisher Stevens, o documentário apresenta um relato informativo sobre as formas pelas quais a sociedade pode prevenir o desaparecimento de espécies ameaçadas, de ecossistemas e de comunidades indígenas. Após 10 anos do lançamento de seu primeiro documentário sobre o desafio do clima, A última hora, o ator retorna com Before The Flood.

Em entrevista, DiCaprio afirmou que a mudança climática é um dos maiores perigos que o nosso planeta enfrenta hoje. “Devemos trabalhar juntos como uma voz coletiva para exigir ações. Nossa sobrevivência depende disto. Este documentário traduz os sintomas e as soluções de mudanças climáticas antes que a informação seja distorcida, como acontece muito frequentemente, por aqueles que têm um interesse econômico na produção de combustíveis fósseis”, afirma o ator.

Assista ao trailer do documentário:

Fonte: anoticia.clicrbs.com.br