Colégio Medianeira promove projeto de reciclagem

Gincana do papel solidário incentiva a promoção da consciência ambiental

20.04.2016-colegio-medianeira-sustentabilidade-1

Desde 1987, o Colégio Medianeira promove a Gincana do papel solidário, ação que incentiva os alunos a arrecadarem papel usado para reciclagem. Segundo estimativas, a cada 50 kg de papel reciclado uma árvore é salva. Nesses 29 anos de atuação, o projeto já ajudou a preservar mais de 16 mil árvores.

O papel recolhido na iniciativa é vendido para uma empresa de reciclagem e o dinheiro é doado para a construção de casas populares na comunidade de Areia Branca, em Mandirituba, região metropolitana de Curitiba (PR).

O papel recolhido na iniciativa é vendido para uma empresa de reciclagem e o dinheiro é doado para a construção de casas populares

O recurso obtido com a venda do papel permitiu que 11 moradias fossem construídas ou reformadas. A diretora do Comitê Contra a Fome e Pela Moradia, Azenir Fagundes Moro, afirma que a atuação do Medianeira, em parceria com empresas da região, é fundamental para os moradores da comunidade. “Esse é, praticamente, o nosso único recurso. Se não fosse o Colégio seria quase impossível construir as casas”, diz.

Em 2016, a Gincana do papel solidário fará parte de uma proposta ainda maior: a campanha ‘Abra seus olhos e veja coisas novas’, que incluirá diversas ações solidárias em prol da sustentabilidade. Para Isabel Cristina Piccinelli Dissenha, responsável pelo projeto, ao participar de uma ação solidária, “os alunos desenvolvem uma experiência significativa de humanização, sensibilização para os problemas sociais e de compromisso com o bem comum.” A ideia, nas palavras de Isabel, é justamente criar a percepção sobre consciência ecológica, preservação ambiental e solidariedade.

 

Fonte: Colégio Medianeira | Foto: recilux.wordpress.com