ETE FMC participa de feira de inovação

Instituição foi a única escola de nível técnico a se apresentar na Mostra Algar

A ETE FMC (Escola Técnica de Eletrônica Francisco Moreira da Costa) foi a única escola de nível técnico a participar da Mostra Algar Inovação, evento que apresenta soluções que visam a economia, a sustentabilidade, o desenvolvimento de novos produtos e a otimização de processos.

A 14ª edição do evento, realizado entre os dias 24 e 25 de junho, em Uberlândia (MG), reuniu cerca de 70 projetos nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação, Agronegócio, Serviços e Turismo, com público estimado em 4 mil pessoas. “Com o passar do tempo, as empresas vão se estruturando e começam a ficar muito rígidas. Essa é uma forma de quebrar isso; não de romper com o que passou, mas de criar o futuro”, afirma José Mauro Floriano da Silva, assessor corporativo de Inovação da Algar.

A inovação é que aproxima a ETE FMC da empresa. Desde 2013, uma delegação do Grupo Algar visita a instituição durante a ProjETE (Feira de Projetos Futuristas). “Vários dos projetos desenvolvidos pelos alunos daqui estão à frente do nosso tempo e nos ajudam a ver que muitas coisas são possíveis. Se nós conseguirmos levar esses projetos para a sociedade será uma grande realização”, confessa João Henrique de Souza Pereira, ex-aluno da ETE FMC e atual consultor executivo de Inovação e Desenvolvimento do Grupo Algar.

Além do pioneirismo em inovação, João Henrique destaca a formação integral proporcionada pela instituição: “A formação que eu tive na ETE me marcou em dois aspectos – tanto na formação técnica quanto na formação humana. Hoje, eu ouço o Luiz Alexandre Garcia (CEO do Grupo Algar) dizer que para um executivo conquistar uma promoção, é essencial que ele prepare a base da sua equipe. Isso me faz lembrar o professor Navantino, que nos dizia ‘preparem-se e preparem os outros; transmitam o conhecimento. Uma vez feito isso, vocês terão o caminho aberto para novos desafios’”.

 

Novos horizontes

Na ProjETE 2014 foi lançado o Desafio Algar. Nele, os alunos deveriam desenvolver um aplicativo para Android que ensinasse programação em Linguagem C. O vencedor do Desafio Algar será anunciado durante a ProjETE 2015, que será realizada em outubro. João Henrique afirma que a expectativa é grande: “Nós temos certeza que o aplicativo publicado será utilizado por muitas escolas. Nós acreditamos que isso ajudará a estimular o estudo de maneira diferente nesse mundo em frequente transformação”.

Para os próximos anos, estuda-se a viabilidade de um projeto que permita à Algar oferecer bolsas de estudos na instituição, além de firmar uma nova parceria para estágios.  “Temos dificuldades de encontrar técnicos qualificados na região de Uberlândia. A formação dada pela ETE FMC é única, e é esse o perfil profissional que buscamos”, conclui João Henrique.

O Grupo Algar atua no Brasil e em países da América Latina, atualmente, a empresa conta com 24 mil associados que atendem cerca de 2 milhões de clientes. A Algar oferece soluções para empresas e pessoas por meio da atuação nos setores de Tecnologia da Informação e Comunicação, Agronegócio, Serviços e Turismo.

 

Fonte| ETE FMC