FEI e Centro Paula Souza premiam projetos inovadores

Orientação a entidades assistenciais, consultoria administrativa e implantação de QR Code em sala de aula foram as iniciativas vencedoras

Pe. Theodoro Paulo Severino Peters (1º à esq.), presidente da Fundação Educacional Inaciana Pe. Sabóia de Medeiros, participou da entrega do Prêmio FEI – Inova Paula Souza.

No dia 23 de abril, aconteceu à cerimônia do Prêmio FEI – Inova Paula Souza que reconhece as práticas docentes inovadoras na educação. Inédito no Brasil, o prêmio é uma iniciativa do Departamento de Administração do Campus São Paulo da FEI em parceria com o Centro Paula Souza, destinado a professores de Escolas Técnicas do Estado de São Paulo – ETECs.

O evento foi realizado no campus da FEI em São Paulo e nove projetos foram premiados nas categorias: Empreendedorismo, Sustentabilidade e Inovação. Os primeiros lugares receberam R$ 3 mil cada; os segundos, R$ 2 mil, e os terceiros, R$ 1 mil. Além disso, outros seis projetos receberam menção honrosa. “Foi um prêmio rigoroso e difícil de escolher os melhores. É uma satisfação saber que os professores estão fazendo um ótimo trabalho”, diz Edson Sadao, professor do curso de Administração da FEI e um dos coordenadores do Prêmio.

Segundo o superintendente do Centro Paula Souza, Laura Laganá, “a parceria da FEI com o Centro Paula Souza é muito importante porque estimula os professores a inovar e contribuir com a formação técnica e a inserção dos alunos no mercado de trabalho, que está cada vez mais exigente.”

Na ocasião, estava presente também o empresário Luís Norberto Paschoal, presidente da Holding DPaschoal e diretor do movimento ‘Todos pela Educação’, que ministrou uma palestra sobre a importância da educação e dos professores.

Para definir os ganhadores do Prêmio FEI – Inova Paula Souza foi formada uma banca examinadora por profissionais reconhecidos nas áreas de educação, empreendedorismo, sustentabilidade e inovação: Camila Cheibub Figueiredo, assessora da presidência da Fundação Educar DPaschoal; José Carlos Barbieri, professor da Escola de Administração de Empresas de São Paulo, mantida pela Fundação Getúlio Vargas (EAESP-FGV); Juliano Seabra, presidente executivo da empresa Endeavor; Marcus Alexandre Y. Salusse, empresário e doutorando em Empreendedorismo na Eaesp-FGV; Maria Amélia Lopes Sampaio, assessora da presidência do Instituto de Cidadania Empresarial (ICE); Ricardo Voltolini, presidente da empresa Ideia Sustentável e Celso Fonseca, coordenador executivo do Observatório de Inovação da  Universidade de São Paulo (USP).

Na próxima etapa do Prêmio será criada uma plataforma online com os projetos premiados, que poderão ser compartilhados entre todos os professores da rede das ETECs em São Paulo. Haverá ainda curso de capacitação para professores pré-selecionados e inscritos no Prêmio com 60h de apresentações e discussão das melhores práticas.

 

Os vencedores

O vencedor da categoria Empreendedorismo é o projeto do professor Silvio Rodrigo dos Reis Prestar, do curso Técnico em Administração da ETEC Gildo Marçal Bezerra Brandão, localizada no bairro de Perus, em São Paulo (SP).  A iniciativa visa que alunos do Ensino Médio, por meio de empresa júnior, prestem serviços de consultoria administrativa, contábil e logística a microempresas da região de Perus. Intitulado ‘Criação, implantação e administração de empresa júnior’, o projeto visa aprimorar a capacidade e habilidade gerencial, oratória e escrita dos alunos e proporcionar uma compreensão da vivência profissional, além de melhorar a gestão interna das empresas e o desenvolvimento econômico do bairro.

Na categoria Sustentabilidade o projeto vencedor foi o de Silvia Helena Ferreira Pagliarini Zen Gorayeb, professora da ETEC José Martimiano da Silva, de Ribeirão Preto (SP). A ideia é buscar a participação solidária dos alunos na comunidade, por meio de uma campanha para ajudar entidades assistenciais, onde os alunos executam tarefas de acordo com a área de estudo. Os alunos do curso de Edificação, por exemplo, sugerem melhorias físicas, acessibilidade, orientações para economia de água e energia e plantio de árvores; já os estudantes do curso de Saúde Bucal são encarregados de desenvolver palestras, tanto para crianças e adolescentes, quanto para idosos. O intuito é ampliar os ensinamentos éticos e comportamentos sustentáveis, aliados aos conhecimentos técnicos adquiridos nos cursos.

O primeiro lugar na categoria Inovação é o projeto ‘Ensinando com QR CODE’, de autoria de Alison da Rocha Alves, professor da ETEC zona Sul – Extensão CEU, localizado no bairro Vila Rubi, em São Paulo (SP). A ideia é utilizar o Quick Response – QR Code (Código de Resposta Rápida) em sala de aula. O professor disponibiliza um tipo de código de barras, no qual o aluno, usando aplicativos gratuitos, escaneia o código através de aparelhos celulares e tablets. Após a decodificação, o código é direcionado a um conteúdo (textos, imagens, vídeos) cadastrado pelo professor. O uso da tecnologia proporciona um melhor aproveitamento do tempo do professor com o aluno, além de mais interação no aprendizado. A prática teve início em 2014 e continuará em 2015.

 

Confira abaixo os demais premiados:

Categoria Empreendedorismo

2º Lugar – Criação do plano de negócio na prática

Professora Larissa Chadi e Silva Carrilho

ETEC Antonio Devisate – Extensão EE Monsenhor Bicudo – Senador Salgado Filho

Cidade – Marília (SP)

 

3º Lugar – Incubadora ETEC

Professor Helio Moreira da Silva

ETEC Prof. Alfredo de Barros Santos

Cidade – Guaratinguetá (SP)

 

Menções Honrosas

Projeto Olhar Social

Professora Vilma Leonor Ribeiro De Nardi Bastos

ETEC Dr. Geraldo José Rodrigues Alckmin

Cidade – Taubaté (SP)

 

Projeto Plano de negócios e abertura de empresas

Professora Walkyria Cristina de Santana

ETEC de Praia Grande

Cidade – Praia Grande (SP)

 

Categoria Sustentabilidade

2º Lugar – ETEC NH inovando na produção de biodiesel e glicerina

Professora Juliana Tavares

ETEC Prof.ª Marinês Teodoro de Freitas Almeida

Cidade – Novo Horizonte (SP)

 

3º Lugar – CurtEENDEDORISMO: uma economia doméstica criativa como alternativa de combate à pobreza

Professora Joana D’Arc Félix de Sousa

ETEC Prof. Carmelino Corrêa Júnior

Cidade – Franca (SP)

 

Menções Honrosas

Projeto Lixo eletrônico – eu reciclo e você?

Professora Jaqueline Ferreira Domenciano

ETEC Francisco Garcia

Cidade – Mococa (SP)

 

Projeto Escambo sustentável – o retorno da troca

Professora Ana Paula Batista do Carmo

ETEC Dra. Ruth Cardoso

Cidade – São Vicente (SP)

 

Categoria Inovação

2º Lugar – Jornal histórico

Professor Alfredo Tiago Oliveira Santos

ETEC Irmã Agostina

Cidade – Interlagos (SP)

 

3º Lugar – Construção colaborativa: estudo do emprego da folksonomia em sistemas e-learning

Professor Bruno Zolotareff dos Santos

ETEC Ribeirão Pires (SP)

           

Menção Honrosa

Projeto World Café Pedagógico: Prática Inovadora na Gestão de Aula

Professor Elvio Carlos da Costa

ETEC Prof.ª Anna de Oliveira Ferraz

Cidade – Araraquara (SP)

 

 

Fonte| FEI