Centro Loyola de BH promove atividades

Em outubro foram realizados diversos cursos

Quando pintar é (mais do que) dizer: a arte como revelação

O Curso “Quando pintar é (mais do que) dizer: a arte como revelação” aconteceu nas noites de quinta-feira com a assessoria de Ricardo Fenati e Nello Rangel. Tendo como referência a pintura e apoiando-se nos temas do silêncio, da beleza, da saudade e da dor, o curso apresentou a arte como um recurso singular, capaz de favorecer a que habitemos como humanos a complexidade do mundo.

 

Da humanidade de Jesus à humanidade de Deus

O padre Manuel Hurtado iniciou o curso levantando as principais heresias sobre Jesus Cristo no início do cristianismo e mostrou como hoje elas também estão presentes. Depois convidou o grupo a rever as imagens de Deus que foram internalizadas ao longo da vida, mas que são ilusões, pois não correspondem ao verdadeiro Deus revelado por Jesus Cristo.

 

Tarde de Espiritualidade

Com o tema “Tu nos envias a percorrer caminhos”, o evento contou com a orientação do padre Élcio José de Toledo. O grupo presente foi convidado a refletir sobre a vida como “caminho”, o desafio do cristão de colocar-se sempre em marcha.

 

Curso: Salmos para contemplar a ternura inesgotável de Deus

Curso Salmos para contemplar a ternura inesgotável de Deu” encerrou as reflexões desse semestre com o salmo 139 “Eu vos louvo e vos dou graças, ó Senhor, porque de modo admirável me formastes.” Com assessoria do padre Ulpiano Vasquez Moro, o grupo meditou e contemplou o salmo.

 

Peça de Teatro “Therezinha”

A atriz Gabriela Cerqueira, de São Paulo, apresentou o monólogo “Therezinha” no dia 17 de outubro. Uma bela interpretação da vida de Santa Terezinha, num texto primoroso que mostrou o crescimento pessoal, a maturidade de fé desta jovem.

 

Atualização catequética

Em outubro, o curso foi marcado pelos temas: Catequese e Liturgia e O Belo, Lúdico e Místico na catequese. Com o padre Vanildo Paiva, o grupo aprendeu que é preciso fazer o casamento entre Liturgia e Catequese. Em qualquer situação é possível celebrar, também nos encontros catequéticos. No encontro do dia 18, Edward Guimarães ajudou o grupo a refletir sobre a fé e a catequese como experiência de Beleza. Lucimara Trevizan falou sobre a Espiritualidade cristã e da missão do catequista de ajudar o catequizando a fazer experiência do Deus-amor.

 

Fonte: Centro Loyola de BH