CPAL: novo secretário e ecônomo

Pe. Marco Antônio de O. Santos assumirá em fevereiro

O Pe. Marco Antônio de Oliveira Santos, ecônomo da Província Brasil Nordeste (BNE), foi nomeado secretário e ecônomo da CPAL (Conferência de Províncias Jesuítas da América Latina), recebendo aprovação unânime dos Provinciais e Superiores Regionais. Em sua carta de nomeação, Pe. Jorge Cela, presidente da CPAL, escreveu:

“Com essa carta, não quero apenas nomeá-lo oficialmente secretário da CPAL, quero também dar-lhe as boas vindas, agradecendo-o por sua generosa disponibilidade para mudar de destino e vir juntar-se como secretário e administrador neste serviço da Companhia de Jesus na América Latina.
… A sua presença busca também assegurar a atenção para o Brasil e o bilinguismo da CPAL. No momento em que nos tornamos consciente do multiculturalismo das nossas sociedades, que nos convida, como afirmado na Congregação Geral 35, a incorporar essa dimensão em todos os nossos trabalhos, confiamos que a sua presença nos enriquecerá a todos.”

O Provincial da BNE, Pe. Miguel de Oliveira Martins Filho, lembrou a trajetória do novo secretário e ecônomo da CPAL: “O Pe. Marco Antônio tem 48 anos e entrou na Companhia de Jesus em 1996. Antes de ingressar no Noviciado, graduou-se em Pedagogia, com ênfase em Administração Escolar. Trabalhou por alguns anos na Secretaria Municipal de Educação de Lauro de Freitas, Bahia. Estudou Filosofia na FAJE (Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia), em Belo Horizonte, e Teologia na UCA (Pontificia Universidad Católica Argentina), em El Salvador. Foi ordenado em 2004,  seguindo para Teresina, onde colaborou na direção do Colégio Santo Afonso Rodriguez. Dois anos depois foi enviado à missão ad gentes, em Moçambique, onde permaneceu até o final de 2010. Em 2011, fez a Terceira Provação no Chile. De volta ao Brasil, assumiu a captação de recursos e, em seguida, foi nomeado administrador Provincial.”

Fonte: CPAL