Twitter do Papa: mais de 10 milhões de “seguidores”

Marca foi alcançada no sábado à noite, dia 26 de outubro

Sábado à noite, dia 26 de outubro, pouco depois das 21h30: a conta @Pontifex  de Twitter do Papa Francisco superou os 10 milhões de seguidores.

O fato foi já assinalado pelo próprio Papa com um tweet, divulgado em nove diferentes língua. A breve mensagem papal afirma: “Queridos Seguidores, soube que já sois mais de 10 milhões! Agradeço-vos do fundo do coração e peço que continueis a rezar por mim.”

Esta conta twitter, promovida por Bento XVI, foi aberta em 12 de dezembro passado, em oito línguas: italiano, espanhol, inglês, francês, alemão, polaco, português e árabe. Em 17 de janeiro, foi acrescentado também o latim. Em 28 de fevereiro, data que se tornou efetiva a renúncia do Bento XVI ao pontificado, a conta já registrava 3 milhões e 300 mil seguidores. Durante a sede vacante, a conta Twitter papal ficou, obviamente, suspensa, sendo retomada em 17 de março, quatro dias após a eleição do Papa Francisco. Sete meses bastaram para triplicar o número de seguidores desta popular forma de comunicação.

Se contabilizarmos as retuítadas, excepcionalmente elevada no caso das mensagens do Papa (muitas das quais são reenviadas a outras pessoas amigas, assumindo assim a forma de um encorajamento à esperança), chega-se a um número calculado em 60 milhões de pessoas em todo o mundo, segundo referiu recentemente, em entrevista à Rádio Vaticana, D. Claudio Maria Celli, presidente do Conselho Pontifício das Comunicações Sociais.

A língua com maior número de seguidores é o espanhol (mais de 4 milhões), seguida do inglês (3.129.000) e do italiano (1.242.000).

Fonte: News VA