Reabertura do Cineclube Revezes da Unicap exibe documentário Alexina

Revezes está programando a exibição de outros filmes para outubro e novembro

foto
 
Após quase dois anos, o Cineclube Revezes, da Unicap (Universidade Católica de Pernambuco) está de volta. Criado em 1999, o Revezes é um espaço de exibição de produções locais e nacionais, além de debates em torno do cinema. No último dia 3, na edição de reabertura, foi exibido o documentário Alexina, Memórias de um exílio, dos professores do curso de Jornalismo Stella Maris Saldanha e Cláudia Bezerra.
 
Trata-se de um resgate das memórias do exílio cubano de Alexina Crespo, uma das principais líderes das ligas camponesas nos anos de 1960. Os diretores do curta estiveram presentes e fizeram, após a exibição do filme, um debate com os alunos da Católica.
 
O curta é construído através de duas narrativas: a própria Alexina, que aborda de maneira muito emotiva e pessoal o momento que ela viveu exilada, no auge da revolução cubana; e seu filho, Anatólio Julião, com uma visão mais racional de quem morou e estudou no país. “Nós queríamos fazer o documentário baseado na visão de Alexina, mas ela acabou adoecendo e tivemos que introduzir, com muito sucesso, Anatólio”, frisa Stella. “O jeito fragmentado de contar sua história, com seus lapsos de memórias e seus contos emotivos, traduzem bem e mostram o que ela viveu nessa época”, ressaltou Cláudio.
 
O Cineclube Revezes está programando a exibição de outros filmes para outubro e novembro, com o objetivo de aproximar os estudantes universitários da produção cinematográfica de Pernambuco.
 
Fonte: Unicap