CCB recebe Recital do Coro de Câmara de Brasília

Orquestra JK também terá participação especial em evento neste sábado, dia 21

foto
 
No próximo sábado (21), o maestro venezuelano José Carmelo Calabrese e as sopranos Érika Kallina e Aida Kellen são os convidados do Coro de Câmara de Brasília e da Orquestra Juscelino Kubitschek de Brasília, que interpretam o Gloria de Vivaldi e também encenam trechos da ópera Xerxes de Handel sob a direção artística do Maestro Ricardo Castro. Eles se apresentam no CCB (Centro Cultural de Brasília), às 21 horas. Os ingressos custam de R$ 20 a R$ 40. 
 
Fundado em 2001 pelo maestro Ricardo Castro, o Coro de Câmara foi incorporado ao MovSinfo em 2012 com o objetivo de ser um modelo para os demais coros do Movimento e também receber os jovens que se destaquem na área do canto. Em seus 12 anos de atividades ininterruptas, o coro já interpretou algumas das mais importantes obras do repertório tradicional e já encenou óperas como La Forza del Destino, Orfeu e Eurídice, Dido e Enéas e Cena Musical, além da Cena Triunfal da ópera Aida. Já atuou sob a batuta de maestros como José Carmelo Calabrese (Venezuela), Emílio de César e outros.
 
A Orquestra JK de Brasília é a principal orquestra do Movimento Sinfônico (MovSinfo), foi fundada em 2012 pelo Maestro Ricardo Castro e é integrada atualmente por músicos profissionais do Distrito Federal. Também receberá alunos selecionados das demais orquestras do movimento para que tenham a oportunidade de subir ao palco ao lado desses profissionais. Os alunos, que serão selecionados por meio de audições, são estudantes de instrumentos nos núcleos do MovSinfo, onde participam de sua orquestra local e muitos deles são jovens que pertencem a uma comunidade carente.
 
Fonte: CCB