Cadernos IHU traz debate sobre Ética e Intersubjetividade

Como entender o pensamento do autor, seus principais temas como antropologia, a metafisica e, particularmente, a ética?

fotoEm sua 42ª edição, o Cadernos IHU traz Ética e Intersubjetividade: a filosofia do agir humano segundo Lima Vaz, de Antônio Marcos Alves da Silva. O autor busca compreender como construir comunidades éticas fundadas no reconhecimento de si e do outro. O caderno acerca a estrutura intersubjetiva do agir ético no pensamento ético-filosófico de Lima Vaz que foi padre jesuíta, professor, filósofo e humanista brasileiro.
 
Como entender o pensamento do autor, seus principais temas como antropologia, a metafisica e, particularmente, a ética? Por que pensar a questão da intersubjetividade do agir ético? Como se podem construir comunidades éticas fundadas no reconhecimento de si e do outro? Como superar o individualismo? A partir dessas questões e de algumas referências de livros do filósofo Lima Vaz que o autor Antônio Marcos Alves da Silva constitui o tema abordado por essa edição.
 
Antônio Marcos Alves da Silva nasceu em Alto Santo, Ceará. É graduado em Filosofia (2011) pela Faculdade Católica de Fortaleza (FCF) onde, atualmente, cursa Teologia. É coordenador do Grupo de Estudos Vazianos (Gevaz) na FCF, juntamente com a professora Maria Celeste de Souza.
 
Esta e outras edições dos Cadernos IHU podem ser adquiridas diretamente no Instituto Humanitas Unisinos ou solicitados pelo endereço humanitas@unisinos.br. Informações pelo telefone (51) 3590-8247. O arquivo em PDF deste texto estará disponível a partir do dia 7 de setembro.
 
Fonte: IHU