Jesuítas no Camboja fazem reflorestamento

Ação é realizada por alunos de creche e comunidade

foto
 
Os jesuítas responsáveis pelo Boletim da Companhia de Jesus na Província Ásia-Pacífico publicaram um artigo sobre os cuidados com a floresta no norte de Camboja. Uma creche localizada na escola Prieb-Profissional Banteay, destinada a pessoas com deficiência e administrada pelos jesuítas, realiza um projeto de colaboração entre os alunos e membros da comunidade com o objetivo de reduzir o desmatamento na região, principalmente para os agricultores que dependem dos recursos naturais.
 
A primeira etapa do projeto é tornar-se um laboratório para estudantes de agricultura, para que eles possam aprender a plantar e cultivar árvores. O segundo objetivo é restaurar a floresta, que há mais de 20 anos é desmatada para fins comerciais. Por fim, o artigo ressalta a importância da conservação das árvores que estão em zona de perigo. 
A meta para os próximos meses é plantar cerca de 5 mil mudas de sete espécies diferentes de árvores típicas da região. 
 
Fonte: Cúria Roma