PUC-Rio promove exposição para mostrar a força da juventude

Mostra ficará aberta até o próximo dia 14

fotoA PUC-Rio promove até o dia 14 de junho a exposição “JVTD é apenas uma palavra”, organizada pelo Departamento de Comunicação Social e idealizada por alunos do curso de Publicidade. Ao longo dos cinco dias, a mostra apresentará como a força revolucionária dos jovens vem transformando a forma de fazer e pensar a sociedade contemporânea, desde meados da década de 1950 até os dias atuais. A abertura do evento na manhã desta segunda-feira, (10) contou com a presença do Arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, e o reitor da PUC-Rio, Padre Josafá Carlos de Siqueira.
 
A exposição busca traduzir, em experimentos e reflexões, a parte que cabe à Comunicação Social em todo este processo de criação da juventude, ou da construção de uma ideia que, hoje, é legitimada como estilo de vida ideal nas sociedades ocidentais contemporâneas. Um ideal que se expressa, fundamentalmente, através das mídias, modas, consumos, mas principalmente de movimentos que nascem nas ruas, na sociabilidade dos pequenos grupos de pessoas que mal entraram na segunda década de suas vidas, mas que já têm muito a dizer, seja pela música, pelo esporte, pelo corpo ou pelas representações que deles se fazem na publicidade.
 
Em exposição
O evento terá atrações como uma pista de skate com 10m de altura, o “Estúdio K”, que será um estúdio de música dentro do campus, e o container “Escolhas”, que mostra como as primeiras escolhas são difíceis e influenciam o futuro das pessoas. Além disso, 60 pares de tênis All Star customizados ficarão expostos e serão leiloados ao final da exposição. Todo dinheiro arrecadado no leilão será doado a instituições de caridade.
 
No dia 11, terça-feira, às 15h, será realizado o Seminário “Juventude, Comunicação e Cultura” seguido de um debate. Os palestrantes serão os professores Everardo Rocha, da PUC-Rio, Mariângela Machado Toaldo, da UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) e o jornalista William Helal Filho, editor de Educação, do Jornal O Globo. Na quinta-feira, dia 13, um desfile retrata como o comportamento dos jovens mudou desde a década de 1950. 
 
Durante todos os dias do evento, haverá uma mostra de filmes que retratam os jovens no cinema. Entre muitos outros, será exibido o filme “Somos Tão Jovens”, de Antônio Carlos Fontoura, com a presença do diretor e do elenco. Na quinta-feira, dia 13, será a pré-estreia do filme “Corda Bamba”, do diretor Eduardo Goldenstein. O diretor e o elenco estarão presentes.
 
Confira a programação completa:
 
Dia 10
13h: Exibição do filme Somos tão jovens, de Antônio Carlos da Fontoura, com a presença do diretor e do elenco. 
 
Dia 12 
Das 9 às 12 horas: Juventude transviada (Rebel Without a Cause) – 1955. Direção de Nicholas Ray
Das 13 às 16 horas: Acossado (A Bout de Souffle) – 1960. Direção de Jean-Luc Godard
Das 16 às 19 horas: Hair (Hair) – 1979 – Direção de Milos Forman
 
Dia 13
Das 9 às 12 horas: Paraísos artificiais – 2012. Direção de Marcos Prado
Das 13 às 16 horas: Pré-estreia de Corda bamba – 2013. Direção de Eduardo Goldenstein, com a presença do diretor e do elenco.
Das 16 às 19 horas: Proibido proibir – 2006. Direção de Jorge Duran
 
Dia 14
Das 9 às 12 horas: Zabriskie Point (Zabriskie Point – 1970. Direção de Michelangelo Antonioni
Das 13 às 16 horas: Desaparecido (Misssing) – 1982. Direção de Costa-Gavras (a confirmar)
Das 16 às 19 horas: Rede social (The social Network) – 2010. Direção de David Fincher
 
Fonte: Boletim PUC-Rio