Seminário discute região de fronteiras na Colômbia

Objetivo é refletir sobre situação política e social

foto
 
No início do mês de junho foi realizado na casa Santa Maria dos Farallones, em Cali (Colômbia), o terceiro dia da Oficina de Construção da Região de Fronteiras. O seminário tem como objetivo promover uma reflexão conjunta sobre questões da situação sócio-política e estabelecer metas que expandem a compreensão da região do Valle del Cauca, além de identificar pistas que melhorem o processo de regionalização das fronteiras: inclusão social e educação para o desenvolvimento sustentável.
 
O encontro foi organizado pela equipe responsável pelo processo, composta pelos padres jesuítas Jorge Humberto Pelaez, coordenador do projeto, Ricardo Delgado Martinez, secretário-executivo do processo, e Claudia Mora, diretora do escritório de responsabilidade social da Universidade Javeriana de Cali. O jesuíta Pe. Mauricio Garcia, assistente da Província da Companhia de Jesus na Colômbia, orientou o seminário.
 
A reunião teve dois momentos distintos. Pela manhã, o tempo foi dedicado ao debate da incidência política das ações na região de fronteira, a partir da perspectiva da 35ª Congregação Geral. O evento da noite foi uma oportunidade para apresentar e discutir a metodologia que tem sido sistematizada nos vários processos regionais e a estrutura lógica para os programas e projetos identificados pelo governo provincial para linhas de ação no país. O próximo seminário será realizado em agosto.
 
fotoValle del Cauca
O Valle del Cauca é um dos 32 Estados da Colômbia, composto por 42 municípios com mais de 4 milhões de habitantes. O Estado faz fronteiro Istmina, outra região colombiana, e com o Panamá.
 
Fonte: Jesuítas Colômbia