Embaixador da Coreia do Sul visita Unisinos e consolida parceria

Autoridade foi recepcionada na sala do reitor, Pe. Marcelo Fernandes de Aquino

 

foto
 
“A filosofia de trabalho da Unisinos é a mesma da Coreia, com desenvolvimento sério em pesquisa e inovação. A oportunidade de trocarmos opiniões é muito preciosa e gratificante para mim.” Foi com essa frase, dita em português, que o embaixador da Coreia no Brasil, Koo Bon Woo, se despediu da primeira parte de sua visita na universidade, ontem, dia 10.
 
No campus de São Leopoldo (RS), a autoridade foi recepcionada na sala do reitor, Pe. Marcelo Fernandes de Aquino. No encontro, Woo falou sobre o relacionamento construído entre Coreia e Brasil, principalmente com a Unisinos, enfatizando a construção da fábrica da HT Micron. “A alta tecnologia coreana está criando oportunidades em nosso país”, complementou Aquino.
 
Logo em seguida, Koo Bon Woo se encontrou com representantes da universidade e autoridades na sala do Conselho Universitário. No local, o diretor de desenvolvimento e expansão, Cristiano Richter, contou um pouco da história da instituição de ensino e sua relação com a Coreia do Sul. “Essa visita simboliza o terceiro ano da relação que temos com os sul-coreanos. São duas nações tão diferentes, mas que se complementam”. 
 
Como demonstração de carinho e reconhecimento para com o país asiático, a Unisinos lançou, na ocasião, um selo que comemora o aniversário de 50 anos da imigração de coreanos no Brasil. Também anunciou os dois grandes eventos para 2013, que consolidam a relação: a inauguração da HT Micron, prevista para julho, e o 3° Fórum Brasil-Coreia, que ocorre de 23 a 25 de outubro no campus de São Leopoldo. 
 
Para o Pe. Marcelo Fernandes de Aquino, os alunos que foram para as terras sul-coreanas são os representantes de uma geração que liderará o estado, o Brasil e a universidade. O reitor complementou que está sendo desenhada, por Brasil e Coreia, uma rota de alta tecnologia e semicondutores. “Estamos ajudando a aproximar a família humana, criando uma relação de confiança”, disse.
 
E, por fim, foi realizado o descerramento da placa que simboliza o início das atividades do curso de coreano, oferecido pelo Unilínguas.
 
Fonte: Unisinos