Católica e CTTU formam grupo de trabalho para melhorar o trânsito no entorno do campus

Secretário de Mobilidade e Controle Urbano de Recife também participou do encontro

 

foto
 
O Reitor da Universidade Católica de Pernambuco, Padre Pedro Rubens, recebeu no dia 24, em seu gabinete, a visita de gestores e técnicos da Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU). O encontro havia sido agendado também com o secretário de Mobilidade e Controle Urbano do Recife, João Braga, mas, segundo seus representantes, ele não pôde comparecer por incompatibilidade na agenda. A pauta do encontro de hoje girou em torno de propostas para melhorar o tráfego nos arredores do campus da Unicap.
 
Participaram da reunião a presidente da CTTU, Taciana Ferreira; a diretora de Transportes, Sandra Barbosa; e o diretor de Trânsito, Augustinho Maia. Eles foram recebidos, além do Reitor, pelo Pró-reitor Administrativo da Unicap, Luciano Pinheiro; pela Pró-reitora Acadêmica, Aline Grego; pelo chefe de gabinete da Reitoria, Rodrigo Pellegrino; e pelo coordenador do escritório técnico da Univerisdade, Pedro Adolfo.
 
O Reitor destacou que a Unicap tem se mostrado atenta às dificuldades de se transitar nesta área do Centro da cidade e que está disposta a contribuir com ideias para diminuir os engarrafamentos. “Desde 2006, quando assumi a reitoria da Unicap, temos apresentado projetos e propostas à prefeitura, mas até agora não fomos escutados. Nada saiu do papel”.
 
Ele explicou também que há dois anos a Universidade elaborou um projeto para a implantação do chamado Polo Educacional do Recife com o intuito de contrubuir com o poder público para o aperfeiçoamento de serviços de iluminação, transporte e segurança. “Temos um público de 12 mil cidadãos que precisam de melhores serviços urbanos. Somos uma Universidade de trabalhadores. A maioria estuda à noite e chega de ônibus”. Segundo o estudo que propõe a criação do Polo Educacional do Recife, existem 46 instituições de ensino funcionando num raio de dois quilômetros da Unicap. O objetivo é promover melhorias que beneficiem todo este trecho.
 
Dentre as outras propostas feitas pela Católica ao longo dos últimos anos, está a construção de um novo acesso ao estacionamento dos professores e funcionários, além da criação de locais para embarque e desembarque de passageiros de ônibus. “Nós estamos dispostos a ceder, doar área dos dois lados da Rua do Príncipe, tanto da Católica quanto do Liceu Nóbrega”, disse Padre Pedro.
 
O Pró-reitor Administrativo, Luciano Pinheiro, destacou a disposição da Unicap em facilitar o acesso ao campus. “Estamos com a pretensão de deslocar nosso almoxarifado para o Liceu Nóbrega e utilizar a área desocupada para ampliar as vagas de estacionamento dos alunos. Isso vai permitir o surgimento de 200 novas vagas”. Ele também afirmou que a reforma vai possibilitar a construção de novas entradas no estacionamento, o que visa acabar com as filas de espera que provocam os engarrfamentos. “Nossa meta é ampliar as entradas e poder colocar cinco carros por vez”.