Unisinos inicia o curso de Gestão Postal na Angola

Programa é primeiro passo para a revitalização do correio do país

 

foto
 
Com o objetivo de reestruturar o sistema postal de Angola, uma equipe do Grupo de Pesquisa e Modelagem para Aprendizagem da Unisinos (GMAP) está no país africano desde novembro. Na primeira fase do projeto será realizado o diagnóstico inicial para um processo completo de revitalização do Plano Diretor de Desenvolvimento dos Serviços Postais de lá e a formação de profissionais para a Empresa Nacional de Correios e Telégrafos de Angola (ENCTA). 
 
Em uma cerimônia cercada de boas perspectivas foi dado o pontapé inicial para no curso de Extensão em Gestão Postal no projeto do GMAP. O evento contou com a palavra de José Carvalho da Rocha, ministro das Comunicações e Tecnologias de Informação da República de Angola, e de Maria Luiza Andrade, presidente do Conselho de Administração dos Correios do país.
 
Em seguida, o coordenador geral do GMAP, Luis Henrique Rodrigues, realizou a palestra de abertura onde colocou as linhas gerais do projeto e o foco para a revitalização dos correios angolanos. Foram distribuídos livros sobre a temática. Essa ação leva o conhecimento produzido na universidade para relações internacionais inéditas. 
 
O projeto será realizado pelo grupo e por uma equipe de profissionais com experiência nos Correios, em um contrato de cerca de 1 milhão de reais. Esse documento foi firmado entre a Fundação Universitária para o Desenvolvimento do Ensino e da Pesquisa (FUNDEPE) e a Empresa ProHuman de capital Angolano.