Ex-alunas da Unicap participam do FestCine com documentário

Curta foi selecionado para 14ª edição do festival de Pernambuco e será exibido no dia 5 de dezembro

 

foto
 
O documentário Boca de Forno, produzido pelas ex-alunas do curso de Jornalismo da Unicap (Universidade Católica de Pernambuco) Rafaella Magna, Luana Pimentel e Milenna Gomes para o Trabalho de Conclusão de Curso, foi selecionado para participar do 14º Festival de Vídeo de Pernambuco — FestCine. O curta será exibido na Mostra Competitiva de Formação no dia 5 de dezembro, às 19 horas, no Cinema São Luiz.
 
A ideia do documentário foi mostrar como a comida está na boca do povo. Seja através da simples alimentação ou mesmo através das gírias populares. “Mamão, banana, pastel e pamonha deixam de ser mantimentos e ser tornam, na fala, adjetivos utilizados para designar pessoas sem atitude e com comportamento infantil. Doce é meigo, afetuoso. Azedo é rancoroso, sem bom humor. Quem é amargo provavelmente já sofreu. Se o rapaz é gay às vezes é chamado de frutinha e frango, se for indicação de alguém, é peixada. E lá vai ele babar o ovo de quem fez a recomendação. Moça bonita é filé, chuchu, pão. Bom mesmo é se ela der sopa por aí, menino queijudo fica logo enxerido. Se ele somente a beijar, espalha que já comeu. Se ela descobrir, a batata do garoto vai assar. Ele está frito. Vai enfrentar um pepino, ter que descascar abacaxi, comer angu de caroço. Na hora do %u2018vamos ver%u2019 a gente descobre se ele é um homem ou prato de papa.” [Trecho do projeto de conclusão]
 
Também será exibido o documentário O Vôo da Fênix, do também ex-aluno de Jornalismo e atual assessor cultural da Unicap, Leo Tabosa, no dia 6, às 19 horas.
 
O FestCine acontece de 3 a 8 de dezembro. Confira a programação completa:
 
Segunda, 03 — Mostra Competitiva Geral, 19h (Classificação: 16 anos)
Juanita, de Andréa Ferraz
Redondo como uma Bola, de Cezar Maia
Zé Monteiro — O Homem que venceu as 5 mortes, de Wilson Freire
Angelus, de Bruna Valença
Maracatu Atômico — Kaosnavial, de Afonso Oliveira e Marcelo Pedroso
Dique, de Adalberto Oliveira
Dora, de Alice Gouveia
Garotas da Moda, de Tuca Siqueira
Di Melo, de Alan Oliveira e Rubens Pássaro
 
Terça, 04 — Mostra Competitiva Geral, 19h (Classificação: 18 anos)
Visceral, de Bruno Cabús
Ópera Crua, de Marcos Costa e Carlos Mascarenhas
Reminiscências, de Clarissa Machado
Uma noite em 68, de Ionaldo Araújo
Clipe Poliglota, de Felipe Falcão e Eduardo Perreira
O Olho do Avestruz, de Iezu Kaeru
Deserto, de Manuela Piame
Corpo Presente, de Marcelo Pedroso
To The Freaks, de Cibele Wagnez
Porcos Raivosos, de Isabel Penoni e Leonardo Sette
Luiza, de Tila Chitunda
Incenso, de Marco Hanois
A Vida Plural de Layka, de Neco Tabosa
 
Quarta, 05 — Mostra Competitiva de Formação, 19h (Classificação: 12 anos)
Perigeu, de Mateus Cartaxo
Boca de Forno, de Luana Pimentel, Milenna Gomes e Rafaella Magna
Cafeína para um amor quase Líquido, de Roger Bravo
TV Amaro Branco, de Rui Mendonça, Natália Lopes e Alexandre Salomão
Eu, você e André, Direção Coletiva
Quarta, 05 — Mostra Competitiva Geral, 20h (Classificação: 12 anos)
Simpatia, de Kelly Saura
Só pra ser teu homem — Johnny Hoocker, de Dani Neves
Nebulosa, de Rodrigo Vasconcellos e Rogério Samico
Abrupto, de Ayodê França
A Menina da Boneca, de André Pinto
Barra, de Jean Santos
Canção para minha Irmã, de Pedro Severien
O Calunga Misterioso, de Marcia Mansur
O fim da Gota Serena, de Antônio Roberto
Baião, de Pedro Maia de Brito
Urânio Picuí, de Antônio Carrilho e Tiago Melo
 
Quinta, 06 — Mostra Competitiva de Formação, 19h (Classificação: 14 anos)
Usina, de Pedro Coelho
Musa, de Leo Leite
O Vôo da Fênix, de Leo Tabosa
{re} ver, de Annyela Rocha, Artur Baptista e Paula Caal
Hempocrisy, de Maria Aline Moraes
Quinta, 06 — Mostra Competitiva Geral, 20h (Classificação: 12 anos)
Velho Recife Novo, Luíz Henrique Leal, Caio Zatti, Cristiano Borba e Lívia Nóbrega
Si no Fos, de Rapha Spencer e Sebastian Skira
Tropiques, de William Paiva
Concreto Armado, de Felipe Peres Calheiros e Luís Henrique Leal
Pelada, de Dani Neves
O Guarda, de Leo Bandeira
Taprobana, de Camilo Soares
PE in Cena, de Paulo Marcolino dos Santos (Pixote)
Spencer Pinta Recife, de Hanna Godoy
Poeta Urbano, de Antônio Carrilho
 
Sexta, 07 — Mostra Competitiva de Formação, 19h (Classificação: 14 anos)
Partida, Direção Coletiva
Sangue Falso, de Mateus Cartaxo, Pedro Queiroz e Diogo Condé
Beiramar, de Guilherme Cury e Lucas Simões
O Homem que Ri, de Lucas Mariz
Os Batuqueiros do, de Dani Neves
No me Presiones, de Roy R. López
Sexta, 07 — Mostra Competitiva Geral, 20h (Classificação: 12 anos)
Ao som dos Tambores, de Chia Beloto
Gonzaga de Exu, de Margarida Gomes da Silva
Leão de Ouro — Manobras e Evoluções, de Luca Barreto
Coco de Umbigada, de Lula Gonzaga
Tadeu Lino — em seu tempo, de Rodolfo Araújo
O Cangaceiro, de Marcos Buccini
Lia de Itamaracá, de Lula Gonzaga
Zuleno, de Felipe Peres Calheiros
 
Sábado, 08 — 19h (Classificação: Livre)
Homenagem a Fernando Spencer
Homenagem a João Sagatio
Homenagem a José Hildo
Homenagem a Rutílio Oliveira
Sagatio, de Amaro Filho
Velocidade Máxima, de Tiago Delácio
Sábado, 08 — 20h (Classificação: Livre)
Cerimônia de Premiação